Conheça 6 erros de Serviços Gerenciados de TI e saiba como evitá-los

Veja quais atitudes precisam ser eliminadas do seu dia a dia

serviços gerenciados

Os serviços gerenciados de TI proporcionam grandes vantagens para a sua empresa. Nessa lista, podemos incluir a flexibilidade operacional e o aumento do foco no negócio e nos lucros, trazendo a oportunidade de desenvolver rotinas ainda mais inteligentes e com eficiência para os seus clientes. 

Porém, assim como em todos os lugares, podem ocorrer erros e, é importante que você saiba como evitá-los ou resolvê-los.

Sendo assim, preparamos este conteúdo para que você veja quais os erros mais comuns e evite cometê-los em seus clientes.

Boa leitura!

O que são Serviços Gerenciados?

Antes de mais nada, é importante ressaltar sobre o que são esses serviços e qual a sua importância, tanto para o Mercado de Prestação de Serviços de TI, quanto para os usuários finais.

Atuando de maneira preventiva, os Prestadores de Serviços Gerenciados de TI, conhecidos como MSPs, através do uso de um conjunto de soluções especializadas, podem gerenciar e monitorar toda a infraestrutura de TI do cliente, identificando falhas, vulnerabilidades, além de evitar e corrigir erros. Dessa forma, melhorando os processos e garantindo a continuidade do negócio do cliente.

Em resumo, é a melhor proposta de serviço para quem busca manter o setor de TI organizado, seguro e funcionando da maneira mais eficaz.

Assim como citamos antes, os serviços gerenciados trazem diversas vantagens e, nesse momento, vamos falar com mais profundidade sobre o assunto.

Com esses serviços, sua equipe pode ser facilmente realocada, de acordo com as necessidades de cada um e de maneira mais flexível, garantindo um melhor desenvolvimento.

Além disso, ainda é possível se dedicar mais, e da melhor forma ao seu negócio. Podendo desenvolver soluções internas e permitir que a equipe sempre esteja disponível para oferecer suporte aos seus clientes.

Os serviços costumavam ser indicados apenas para grandes corporações. Porém, hoje em dia, pequenas empresas já estão cientes da importância de ter um parceiro que cuide da infraestrutura de TI, para lidar com a tecnologia com ainda mais cuidado.

Além disso, ainda é bem comum que muitas pessoas acabem confundindo esse modelo com o outsourcing. A grande diferença, é que esse termo é bem comum para terceirizar algumas atividades.

Benefícios dos Serviços Gerenciados de TI

Após explicar um pouco mais sobre esses serviços e a sua importância, veja quais os principais benefícios que ele traz para a empresa do seu cliente. 

Acompanhamento do setor

Esses serviços costumam apostar no monitoramento. Assim, através de relatórios confiáveis e com mais detalhes, podem extrair informações mais relevantes para que o cliente possa acompanhar o trabalho realizado pelo MSP.

Com isso, é possível avaliar se os resultados estão conforme as expectativas ou se ainda tem algum ponto que pode melhorar.

Processos automatizados

Com o auxílio de soluções, como o N-able N-sight RMM, é possível automatizar as tarefas e otimizar os processos de TI. Dessa forma, deixando a equipe mais produtiva e garantindo ainda mais agilidade e desempenho para o dia a dia. 

Redução de custos

De fato, esse tipo de serviço ajuda a empresa na redução de gastos e, mesmo assim, mantém a qualidade de todo o trabalho.

Isso se dá pela automatização das tarefas e verificações, monitoramento e gerenciamento remoto e a cobrança, que passam a ser por dispositivo. Sendo assim, o MSP começa a ter uma maior margem de lucro, conseguindo gerenciar mais dispositivos sem que aumente a equipe. 

Mais confiança no trabalho

Além de agregar mais valor para sua empresa, você ganha maior confiança do cliente e, por consequência, a chance de ser ainda mais indicado para outros negócios que estão em busca de Prestadores de Serviços TI.

Flexibilidade operacional

Como o mercado está se tornando cada vez mais dinâmico, mudanças podem surgir a qualquer momento e trocar todo o rumo dos serviços.

Dessa forma, é preciso evoluir para que esses serviços se tornem ainda mais escaláveis.

Com o modelo MSP, a sua empresa pode lidar ainda melhor com a prestação de serviços e ter uma equipe atualizada com mais facilidade e de forma muito mais flexível.

6 erros mais comuns em serviços gerenciados

Assim como esse serviço possui diversos benefícios, é comum que algumas empresas acabem cometendo alguns erros durante a sua execução.

Pensando nisso, separamos as falhas mais comuns que ocorrem e vamos mostrar como elas podem ser evitadas.

Então, continue a leitura para tirar todas as suas dúvidas! 

1. Esquecer de fazer o inventário

A tecnologia está avançando de maneira rápida. Por isso, é possível que o inventário que em um primeiro momento atendia perfeitamente a um cliente não seja o mais adequado em caso de mudanças no cenário da empresa.

Não verificar a infraestrutura completa do cliente, portanto, é um dos erros que uma empresa de TI que presta serviços gerenciados pode cometer.

Essa sondagem é necessária para identificar as deficiências de componentes que podem afetar a infraestrutura dos clientes — e não fazê-la pode gerar inúmeros problemas.

Para isso, não deixe de verificar as configurações dos equipamentos e realizar testes. No caso de um nobreak, por exemplo, é preciso saber a carga que ele suporta, bem como o tempo de vida útil da bateria. No ambiente do servidor, elementos como climatização e acesso à sala e quadro de energia devem ser analisados, por exemplo.

2. Não garantir que o backup está sendo realizado

Outro erro comum é a falta de garantia e conferência da realização das rotinas de backup. Os usuários geralmente não estão atentos a documentos presentes na área de trabalho, em contas não autorizadas e outras unidades locais.

Em caso de problemas, esses arquivos seriam perdidos e o cliente certamente não ficaria satisfeito por não ter tido seus dados e informações protegidos. É papel do MSP, estar atento à realização das rotinas de backup e fazer testes de recuperação para que, caso haja algum problema, exista a garantia de que os dados possam ser restaurados com facilidade.

3. Deixar de acompanhar os trabalhos concluídos

O cliente é uma das peças mais importantes para qualquer empresa, afinal, é ele quem traz o lucro que o negócio precisa para se manter ativo.

Estratégias para criar e manter uma relação com os clientes são, portanto, ideais para ir além dos resultados esperados e fazer a empresa crescer.

Uma das formas de gerar novos negócios, principalmente na área de prestação de serviços, é continuar se relacionando com o cliente mesmo após a venda ter sido realizada. Não fazer isso é outro erro que as empresas cometem com frequência.

Procurar saber se os problemas do cliente foram resolvidos e pedir feedbacks são formas de descobrir se o consumidor está realmente satisfeito ou se, na verdade, tem feito propaganda negativa de sua empresa e está em busca de outros fornecedores. Se houver insatisfação, é preciso se colocar à disposição para resolvê-la.

Outra maneira interessante, é realizar o chamado QBR, ou seja, as reuniões trimestrais com clientes. Aqui, você consegue mostrar e garantir ao cliente que a TI é um grande diferencial no negócio dele.

4. Não aumentar a receita proativamente

A propósito, muitas empresas não exploram a possibilidade de cross-sell ou up-sell, pensando em atrair apenas novos clientes, ao invés de já beneficiar aqueles que estão em seu negócio a mais tempo.

Oferecer mais benefícios aos parceiros antigos, faz com que os mesmos se tornem ainda mais fiéis à sua empresa, confiando que você sempre o atualizará de novas possibilidades para a segurança.

É preciso atentar-se às novidades do mercado de TI e às necessidades dos clientes. Assim, antes que o cliente possa se dar conta do problema, sua empresa deve mostrá-lo e apontar uma solução.

Como os técnicos são os principais envolvidos na relação com o cliente, a melhor forma de obter uma postura proativa na oferta de serviços é capacitando-os em vendas. Eles precisam aprender a identificar oportunidades de negócios antes mesmo dos clientes e, se for o caso, encaminhá-los para a equipe de novos negócios ou pós-venda.

Um Prestador de Serviços de TI precisa ter habilidades de vendas, para que a sua atuação dentro da área seja ainda melhor e para garantir o crescimento da empresa. Sabemos, é claro, que muitos ainda têm dificuldades em relação a isso e, para que você tire suas dúvidas, separamos este conteúdo explicativo sobre Vendas de TI.  

5. Permitir que as garantias e licenças expirem

Todo hardware possui tempo de garantia, assim como, a maioria dos softwares têm licenças que expiram. Um erro que pode trazer grandes resultados negativos, é não acompanhar esse tipo de prazo, pois, além de ter problemas com o vencimento da garantia, no caso de aplicações com licenças expiradas, vulnerabilidades podem estar sendo exploradas e comprometendo a infraestrutura de TI do seu cliente.

O MSP é responsável por informar os clientes sobre todas as ações de TI. Imagine que uma garantia esteja próxima de vencer: é seu dever avisar ao cliente para que possa se preparar para investir e não correr o risco de não poder fazê-lo. Ninguém gosta de ser pego de surpresa, não é mesmo?

Por isso, quando começar o contato com o cliente, lembre-se de levantar as garantias de todos os hardwares que ele possui e as licenças das aplicações utilizadas, e então, acompanhe os prazos em seu sistema de gestão. Existem alguns softwares no mercado que facilitam esse trabalho.

6. Vender algo que não domina

Na tentativa de aumentar a receita, algumas empresas oferecem serviços que não possuem real capacidade para entregar. Essa é uma postura antiética que pode gerar uma série de problemas para a imagem do seu negócio.

Um bom exemplo disso, é o atendimento completo e o suporte que, quando não contam com tempo, experiência e a dedicação necessários, podem deixar a desejar. Desse modo, o cliente não fica satisfeito, já que não contou com um serviço tão eficaz quanto imaginava.

Então, este tipo de postura, de oferecer uma tarefa sem ter a certeza de sua plena realização, não vale a pena. Pois, mesmo que no começo ela compense financeiramente, não se sustenta a longo prazo.

Ainda que esteja precisando de novas fontes de receita, ofereça apenas as soluções que é realmente capaz de disponibilizar.

Faça isso da melhor maneira e, assim, sua empresa poderá se destacar diante da concorrência, ainda que ofereça menos serviços que eles.

Se deseja oferecer novos tipos de trabalho, é preciso se preparar antes, adquirindo as ferramentas necessárias e capacitando a equipe para o novo atendimento.

Mesmo conhecendo a rotina corrida que donos de pequenas empresas de Serviços Gerenciados de TI possuem, você não pode deixar de estar atento aos erros que apresentamos neste post.

Essas falhas, ainda que pareçam pequenas em uma primeira observação, podem levar sua empresa a um declínio constante.

Isso porque a prestação de um bom serviço e a criação de novas chances de negócio são ideais para manter os atuais clientes, conquistar outros e gerar mais receita.

Conte com uma equipe especializada

Por fim, outra maneira de evitar que esses erros sejam cometidos, é contando com soluções especializadas em Serviços Gerenciados de TI. 

A ADDEE está nesse ramo desde 2013, apresentando soluções para que você evite os erros citados acima. Além de mostrar como você poderá prestar os serviços de maneira correta, sem trazer dores de cabeça a você ou ao seu cliente.

Gostou e quer saber mais sobre nossas soluções? Acesse o nosso site e entre em contato com a nossa equipe.

Em nosso blog, você tem acesso a mais matérias assim, e fica por dentro das melhores dicas do mercado de TI!  

Não deixe de conferir!

Autor: Rodrigo Gazola

Especialista no mercado de prestação de serviços em TI, é considerado um pioneiro no modelo de Serviços Gerenciados (MSP) no Brasil. Apesar de possuir amplo conhecimento no modelo e no mercado MSP, seu verdadeiro fascínio está no universo do Backup, Backup, Backup! Com formação acadêmica em Eletrônica, Gestão em TI e um MBA em TrendsInnovation, demonstra paixão pelo que faz e nunca se cansa quando se trata de trabalho e aprendizado. Muitos dizem que o segredo do seu equilíbrio está nos 4 "B"s que adotou há algum tempo: Beer, Bike, Barbecue e Backup.

Um comentário em “Conheça 6 erros de Serviços Gerenciados de TI e saiba como evitá-los”

  1. Complementando o erro n. 5 (Permitir que as garantias expirem), o cliente sente-se muito bem atendido quando alertas no RMM ou no Service Desk nos alertam, por exemplo, sobre certificados que estão para expirar. É um degrau acima em proatividade!
    Parabéns pelo blog. Muito bom!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sair da versão mobile