Segurança da informação: entenda como identificar as deficiências na infraestrutura de TI

Mesmo quando falamos em serviços gerenciados de TI, no qual o foco é a ação preventiva e proativa, pode ser que a segurança da informação esteja sendo negligenciada por conta de pequenas deficiências na infraestrutura de tecnologia. O que muitas vezes acontece, é que determinados pontos críticos, fundamentais em certos momentos, não recebem a devida atenção. Então, quando são necessários, acabam por não suprir a necessidade. Neste post, vamos falar um pouco mais sobre os principais pontos básicos dentro de uma infraestrutura de TI, que devem ser contemplados para garantir a eficiência e proteção de seus clientes. Acompanhe a leitura e confira essas informações! Qual a importância da análise da infraestrutura para a segurança da informação? A tecnologia deixou de ser apenas um ponto de apoio dentro das organizações para se tornar fundamental para a maioria das empresas. Hoje, é difícil imaginar o funcionamento de alguns mercados, como o financeiro, sem…

Vendas e marketing para TI: o guia completo

Se você é um profissional de TI e trabalha com negócios B2B, sabe a importância das estratégias de longo prazo para estruturar um negócio. A mesma estratégia deve ser utilizada quando estamos falando de vendas e marketing. O consumidor está cada vez mais exigente e o mercado mais concorrido, portanto, é necessário que haja foco em prospectar clientes — e mantê-los. Um acordo no setor de tecnologia da informação só acontece depois de muita análise a avaliações de valores não só monetários, mas dos impactos que seu produto ou serviço causará no negócio principal do cliente. É lógico que o nosso objetivo é o aumento de receita e crescimento. Mas para que consigamos atingir isso, as estratégias de marketing e vendas precisam ser certeiras para conquistar o nosso público-alvo sem gastar demais. Queremos ajudar você nessa missão! Por isso, criamos este post para apresentar as principais técnicas de vendas e marketing e manutenção de clientes para o seu…

Serviços gerenciados de TI: o guia completo

As transformações digitais mudaram drasticamente os modelos de negócio em diversos ramos de atuação. Hoje, até mesmo pequenas empresas necessitam de infraestruturas completas de tecnologia para permanecer em funcionamento. Para manter todo esse ambiente estável e funcional surgiram os serviços gerenciados de TI. Esse novo modelo de gestão é uma evolução do antigo. Em suma, vem para atender às novas demandas do mercado, com a montagem de diversos ambientes diferentes entre si, mas que necessitam de integração. Portanto, com o intuito de esclarecer de uma vez por todas o que são os serviços gerenciados de TI e como eles funcionam, nós criamos este guia completo sobre o assunto. Continue a leitura e confira! A definição de serviços gerenciados de TI Com o surgimento e adoção de novas tecnologias por parte das empresas, o setor de TI acabou por ficar saturado. Como consequência, sua gestão tornou-se um desafio gigante para todos…

Guia completo de precificação em TI

Uma das dúvidas mais recorrentes de quem está começando a empreender no mundo do suporte de TI é: quanto cobrar pelo serviço prestado? De fato, esse questionamento sobre precificação é muito natural. Na medida em que, muitas vezes, o profissional ainda não tem muita referência sobre como alavancar o lucro mantendo a estabilidade e, ao mesmo tempo, praticar um preço que seja competitivo. Geralmente, o cálculo do preço de um serviço deve levar em conta os investimentos necessários para a execução. Ou seja, a produtividade, que pode ser calculada por horas ou dispositivos, além do valor gerado para o cliente. Com a transformação digital e a mudança de patamar que o setor de tecnologia da informação ganhou nas empresas. Nesse sentido, não só aumentou o volume de trabalho, como também o impacto que esse serviço tem no sucesso das empresas. Em suma, podemos dizer que a precificação deve levar em…

Break-Fix e Serviços Gerenciados: Guia para fazer a transição

Ainda é muito comum a adoção, por parte de prestadores de serviços em TI, de um modelo de atendimento Break-Fix, seja pela falta de planejamento ou simples desconhecimento de como poderiam agir de outra forma, utilizando Serviços Gerenciados, por exemplo. Esse modelo ultrapassado já não cabe mais nos dias de hoje, nos quais os clientes exigem agilidade e disponibilidade dos serviços. Principalmente, porque a cada minuto em que sistemas e equipamentos deixam de funcionar, você e seus clientes podem perder dinheiro. Neste post, vamos mostrar quais são as principais diferenças entre um modelo de trabalho Break-Fix e a utilização de Serviços Gerenciados. Inclusive, explicar como fazer a transição entre ambos no seu negócio. Continue conosco e confira! As diferenças entre Break-Fix e Serviços Gerenciados Vamos começar falando acerca de Break-Fix. Como a própria tradução literal já sugere, seria algo como quebra-conserta, ou seja, é um modelo de trabalho reativo. Dessa…

Entenda a importância da documentação de TI e saiba como fazer!

Muitas empresas não têm ideia de como funcionam ou quais são os equipamentos que existem em sua infraestrutura de tecnologia da informação. Entretanto, esse é um problema que pode ser resolvido por meio da criação de uma documentação de TI. Como realizar uma manutenção rápida e eficaz em um ambiente desconhecido? Isso não é possível, a menos que seja algo muito simples, caso contrário será necessário perder um bom tempo para entender todo o contexto. Neste post vamos mostrar para você como a documentação de TI pode ser algo fundamental para quem presta serviços gerenciados de tecnologia da informação, garantindo pronta resposta a qualquer problema que possa ocorrer. Continue conosco e boa leitura! O que é documentação de TI? A gestão profissional do ambiente de tecnologia de uma empresa parte de uma análise completa desse ambiente e de tudo o que faz parte dele. Sendo assim, busca entender todos os relacionamentos…

Entenda o que é RMM (Remote Monitoring and Management)

Os computadores foram desenvolvidos na década de 1950. Mas, você já parou para pensar como era feito o monitoramento das redes de computadores antes do Simple Network Management Protocol (SNMP) ou Protocolo Simples de Gerência de Rede? Esse protocolo padrão da internet para o gerenciamento de dispositivos em rede IP surgiu nos anos 90. Antes disso, a manutenção dos computadores tinha de ser feita de forma física pelo técnico de TI que precisava ir até a máquina ou ao servidor para solucionar o problema. Assim, a complexidade dos sistemas, bem como as dificuldades de gerenciá-los apenas presencialmente não conferia aos técnicos a certeza quanto a saúde da TI da empresa. Além disso, ainda dificultava o desenvolvimento do status das redes de computadores. Além disso, as primeiras ferramentas de solução gerenciada de TI só atendiam grandes empresas com redes maiores. Foi então em 2005 que os sistemas de monitoramento remoto começaram…